terça-feira, abril 25, 2017

Caminhada Regional 2017


A VI Caminhada do Núcleo de S. Dâmaso aberta à Região de Braga da FNA decorreu no passado fim de semana, no Trilho da Citânia, em Briteiros, concelho de Guimarães.

30 pessoas e um cão, de 8 Núcleos diferentes, reuniram-se manhã cedo no campo de S. Mamede para rumar em conjunto até ao local de partida. O trilho é muito bonito e agradável, sem dificuldades de maior. A passagem pela Citânia de Briteiros incluiu uma visita a este sitio arqueológico, na data certa, uma vez que no sábado 22 de Abril se comemorava o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios. Este momento cultural foi apresentado in loco pela Dra. Daniela Cardoso, arqueóloga responsável pelo local e filha de um associado da FNA, bem como pelo Prof. Fernando Ribeiro, escuteiro adulto do Núcleo organizador, ou seja o nosso Fernando.

A caminhada terminou com um alegre convívio no parque de lazer de São Cláudio do Barco, que incluiu também uma visita ao parque escutista do Agrupamento local do CNE, que fica numa ilha na intersecção dos rios Ave e Febras, um cantinho magnifico, que nós conhecemos bem por termos já participado em acampamentos neste local, no passado mais remoto bem como no passado recente.


No final, visto que o percurso não foi suficientemente duro, 5 maluquinhos e um cão (fixem os nomes para referencia futura: Paula, Ana, Berta, Virgilio, Maia e Bigodes) fizeram o resto do caminho até à Sede a pé. Quando for preciso trabalhar a sério, veremos se eles terão esta força toda!

Até à próxima.

segunda-feira, abril 24, 2017

Páscoa 2017


A nossa participação nos Compassos Pascais da paróquia de S. Dâmaso decorreu de forma normal, sem qualquer registo especial. Este ano não tivemos as cenas de "terror no elevador", mesmo que tenhamos enfrentado de peito aberto o mesmo ascensor que já nos pregou a partida por duas vezes. Não pudemos deixar de sentir um certo nervoso miudinho e a boca até um pouco seca mas os receios não se confirmaram, embora nenhum de nós consiga esquecer o velho adágio popular de que "não há duas sem três".

De resto, só registamos que há mais casas a abrir as portas, confirmando também que na nossa zona há agora mais apartamento habitados e que no Minho a tradição da Vista Pascal está bem viva e certamente perdurará ainda por muitos anos, já que as gerações mais nova continuam a abrir com gosto a sua porta à mensagem de Cristo Ressuscitado e, no nosso caso, não faltam jovens a servir esta causa.


Até à próxima

domingo, abril 02, 2017

Atualização

Por motivos vários, há muito tempo que não atualizamos a exposição das nossas atividades neste blog. Assim, porque seria um trabalho demasiado exigente escrever agora um artigo único para cada uma das atividades realizadas desde Outubro passado, fica aqui um resumo do que fizemos entretanto:

1 - Trabalho ambiental na Citânia de Briteiros - na sequência do acordo de cavalheiros realizado com a Sociedade Martins Sarmento, após a cedência do Salão Nobre desta instituição Vimaranense para a nossa Festa de S. Nuno, no dia 22 de Outubro, acompanhados por 2 técnicos, realizamos, sob chuva intensa, um trabalho de limpeza de acácias, uma espécie invasora, nos terrenos da Citânia.


2 - Ação Solidária - a convite do nosso Agrupamento, no dia 29 estivemos a trabalhar no Arraial Solidário, que pretendeu recolher fundos para apoiar financeiramente um jovem vimaranense emigrado em Inglaterra e que combate uma doença oncológica. A atividade foi um sucesso e o jovem também já recuperou a saúde, graças a Deus.


3 - Dia de Todos os Santos - homenageamos com a  nossa presença, as nossas orações e as nossa flores os nosso irmãos falecidos: João Ruço, Betinha e Jerónimo.

4 - Despedida à Imagem de S. Nuno - que esteve todo o ano na nossa Paróquia e entregamos à Direção Regional para ser levada amanhã para Santa Marinha da Costa, o local da Festa de S. Nuno deste ano. O nosso Agrupamento esteve connosco, o Padre Domingos celebrou uma excelente Eucaristia e no final ficamos bastante orgulhosos com o resultado.


5 - Festa de S. Nuno - Foi na Costa, organizada pelo Núcleo local. Foi muito agradável, principalmente a nossa mesa ao almoço. Claro que a Festa organizada por nós o ano passado foi muito melhor mas nem todos podem ser tão bons como nós!


6 - Acantonamento de Inverno - foi no fim de semana de 12 e 13 de Novembro nas instalações do Clube de Tiro de Vieira do Minho. Um engano maravilhoso deu-nos as chaves erradas e em vez de ficarmos numa pequena casa anexa, acabamos instalados no espetacular edifício principal, co m camaratas, grande e bonita sala de refeições, cozinha industrial e outro requintes de malvadez! A caminhada de sábado à tarde correu mal pois contávamos fazer 5 ou 5 kms em duas horas e sem querer fizemos 25 kms em 6 horas! Nunca mais saíamos do buraco onde nos metemos o que levou o Melo a rezar de joelhos a S. Nuno para que nos ajudasse. E ajudou! Chegamos tarde ao jantar mas  o fim de semana foi fantástico.








7 - Saída ao Campo - a 3 de Dezembro o Núcleo saiu para um Raide no Gerês com a companhia dos Caminheiros e Dirigentes da IV secção do Agrupamento. Correu bem, foi bonito e percebemos que os jovens afinal estão pior preparados do que nós para este tipo de atividades. Somos bons!








8 - Eleições para a Direção Nacional e Tomada de Posse - exercemos o nosso direito de voto nas eleições para a Direção Nacional, que decorreram de forma descentralizada. A Mesa de Voto da nossa Região esteve a funcionar em Braga, na Sede Regional, onde foi também feita a cerimónia de tomada de posse da nova Direção eleita, com muitos convidados ilustres.




9 - Apresentação à comunidade paroquial da nova Direção do Agrupamento 331 do CNE - estivemos com os nosso irmãos do Agrupamento de S. Dâmaso na Reunião de Piedade onde se efetuou a cerimónia de passagem de testemunho entre o Chefe Bento e a Chefe Ângela que passa a presidir aos destinos do Agrupamento de S. Dâmaso. Obrigado ao Bento, Parabéns e votos de Boa Caça à Ângela.

10 - Ceia de Natal - mais uma vez estivemos com a nossa família escutista na tradicional Ceia de Natal, que foi mais uma vez um grande sucesso. Entregamos ao chefe Bento uma imagem de S. Nuno como testemunho da nossa gratidão pela amizade e apoio que ele, como chefe do Agrupamento, sempre deu ao Núcleo da FNA.

11 - Reisadas - a FNA voltou a ser fundamental para a estrutura sólida do grupo de escuteiros de S. Dâmaso que desde 1970 leva os Reis à casa de amigos e a instituições de solidariedade, com a alegria que nos é própria e queremos transmitir aos outros.


12 - Reunião de Piedade de Janeiro - como já se tornou habitual, a animação da Reunião de Piedade  de Janeiro está a cargo do Núcleo da FNA pelo que este ano, além de animarmos a Eucaristia, também preparamos o pequeno-almoço para todo o Agrupamento, realizamos para os mais novos alguns jogos escutistas tradicionais (jogo do Kim) e junto com os outros, cantamos os Reis para toda a comunidade paroquial.

13 - Almoço de Reis - este ano, pela primeira vez e como teste, que foi bem sucedido, realizamos um almoço de Reis, no Domingo da "nossa" Reunião de Piedade. Convidamos as nossa famílias, que aderiram em bom numero. Fomos buscar a comida fora mas depois almoçamos nas instalações da Sede. Ficou decidido que para o ano convidaremos também os Dirigentes e Caminheiros do Agrupamento.






14 - Saída ao Campo - no dia 28 de Janeiro saímos para o trilho Lagoa-Aboim-Felgueiras. Foi o regresso do Melo às Saídas ao Campo. Ele gostou tanto, que prometeu que nunca mais volta! É a vida!




15 - Velada de Armas e Promessas - No fim de semana de 11 e 12 de fevereiro, estivemos com o nosso Agrupamento na preparação e cerimónia de Investidura de novos elementos em todas as Secções.

16 - Saída ao Campo - em Fevereiro fomos novamente até Espanha, revisitar os Moinhos do Folon y Picon. Muito bonito, muito agradável e de vez em quando muita chuvinha, mas tudo bem. Pernoitamos em Esposende, com recolha noturna de lenha na praia, uma partida de Loto que não tinha fim e depois do pequeno almoço, após um passeio pela praia, regressamos a casa a tempo do almoço de Domingo com as nossa famílias, mas revigorados cm a energia da amizade.
















17 - Conselho Regional - Foi em Braga e eleitoral. Foi o fim de um ciclo. No meio de muitos convidados ilustres, muita palmas e emoção, a Direção Regional liderada pelo Ginho terminou em apoteose o seu mandato e a nova equipa, liderada pelo Carlos Alberto Cunha, iniciou o seu. O Ginho e o Melo passam assim à reforma, com uma boa tença mensal (quem lhes dera!!) e o reconhecimento dos seus pares. Desejos de felicidades e votos de Boa Caça à nova Direção Regional.





18 - Caminhos de Santiago - 1ª etapa - Guimarães Prado - com um dia excelente, iniciamos a nossa caminhada por etapas rumo a Santiago de Compostela. Com um grupo jeitoso que incluiu o Bigodes, o canito da Ana, a coragem  e determinação das mulheres presentes e alguns elementos extra, o percurso fez-se por caminhos muito mais secundários e agradáveis do que seria de esperar, através de montes e campos. Foram 30 kms bem puxados, que cansaram profundamente, causaram algumas bolhas, tiveram direito a uma valente chuvada nos últimos 10 minutos, mas trouxeram a satisfação do objetivo cumprido. E a alegria da surpresa final: a carrinha do Jominho estacionada em Prado no dia anterior, para nos trazer de regresso ao Campo de S. Mamede, bem sentadinhos e confortáveis.